Braga e Bom Jesus do Monte

Visitar Braga e não subir Bom Jesus do Monte é como ir à Roma e não ver o Papa! Este monte fica cerca de 5 km do centro histórico de Braga e é o melhor exemplo, em Portugal, de uma conjugação harmoniosa entre a natureza, a religiosidade e a arte.
Algumas empresas levam os turistas de ônibus até a igreja e não mostram o melhor, que é subir Bom Jesus do Monte usando do seu elevador! Trata-se do primeiro funicular da Península Ibérica, construído em 1882 pelo engenheiro suíço Nikolaus Riggenbach. Este elevador utiliza o sistema de contrapeso de água e é o mais antigo do mundo a funcionar. As cabines têm um depósito de água, que enchem quando se encontra no nível superior, e esvaziando no inferior. A diferença de pesos obtida permite a deslocação, sendo a quantidade de água calculada em função do número de passageiros. A passagem custa 1,2€ cerca de 3,35 Reais por pessoa. Se comprar ida e volta custa por pessoa 2€. Eu aconselho só a comprar a ida e descer a pé, pois para baixo todos os santos ajudam!
No final do percurso do elevador damos com uma estátua de São Longuinho. Isso mesmo, aquele santo da reza dos objetos perdidos. “São Longuinho, São Longuinho, se eu achar (nome do objeto perdido) dou três pulinhos! São Longuinho era um centurião romano que “perfurou Jesus com a lança”, por isso o seu nome Longuinho, derivado do grego que significa lança. Aqui em Braga a lenda é outra. A moça solteira que der 3 voltas na estátua em silêncio no prazo de um ano casa-se com um rapaz.
As igrejas, estatuas, capelas e grutas são todas feitas em granito. Pedra cinzenta arrancada das montanhas das redondezas e que foi muito bem trabalhada pelos homens desta região. Obviamente isso tudo não foi feito de um dia para noite, foram vários séculos… mas de um modo geral predomina aqui o estilo Barroco.
Por trás da igreja temos o melhor do Bom Jesus – a mata. Onde se destacam dezenas de espécies de árvores, muitas delas centenárias. É o principal pulmão da cidade de Braga. Aconselho uma longa caminhada pelo seu trilho. Aproveite para apreciar as espécies de árvores e descansar um pouco no lago.
Para descer o monte temos o escadório com 666 degraus, mas não seja preguiçoso! Desça à pé que vale a pena! Logo no início temos cinco fonte que representam os Cinco Sentido, pode beber esta água é potável, mas por favor não jogue nada para dentro da fonte, pois esta água serve para abastecer a cidade. Em seguida temos o Escadório das Virtudes e por último as capelas da Via Sacra.
Deixo aqui um pequeno vídeo que ajuda a perceber um pouco melhor do que é o Bom Jesus do Monte.
Por Cristiane Fonte – Enviado  para  o “Participe!
 Curta o aventure-se.com no Facebook  | Siga no Twitter
Anúncios
Galeria | Esse post foi publicado em viagens e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s